ACINFAZ

Representantes da ACINFAZ se reúnem com Edson Campagnolo, presidente da FIEP

[vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Por: Ale Belini/ACINFAZ” font_container=”tag:h5|font_size:12|text_align:right|color:%23999999″ google_fonts=”font_family:Ubuntu%3A300%2C300italic%2Cregular%2Citalic%2C500%2C500italic%2C700%2C700italic|font_style:400%20regular%3A400%3Anormal”][vc_column_text]

Na noite de quinta-feira, 09 de junho, representantes da Associação Comercial e Industrial de Fazenda Rio Grande (ACINFAZ) participaram da palestra “Conjuntura Política X Liderança nos Negócios”, proferida por Edson Campagnolo, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP) e do Conselho Deliberativo do SEBRAE. O evento foi uma realização do Projeto Êxito, da Comunidade Cristã Abba, e aconteceu na Churrascaria 22.

 Momentos antes do início da palestra, integrantes da diretoria e dos conselhos da ACINFAZ se reuniram com Campagnolo para um breve bate-papo sobre o cenário político brasileiro e as atividades da FIEP. Na ocasião, Gastão Fabiano Gonchorovski, presidente da Associação Comercial, apresentou um panorama sobre Fazenda Rio Grande, falou sobre o potencial da cidade e reforçou a importância da volta do Colégio SESI e da construção de uma unidade de qualificação SENAI no município. Por fim, Gonchorovski formalizou a entrega de uma carta de apoio às ações da Federação das Indústrias nos âmbitos de conscientização, medidas econômicas, transparência, infraestrutura e legislação.

 Em sua fala, Campagnolo ressaltou a relevância das associações comerciais, destacando que são ambientes importantes, com condições de representar todos os segmentos empresariais. Depois, falou sobre a necessidade de uma reforma política e administrativa no País e sobre a errada divisão dos recursos oriundos de arrecadação municipal. “Enquanto não mudar a forma de se administrar o dinheiro público, a crise vai continuar acontecendo”, disse. Ao final de sua fala, em tom otimista, o presidente da FIEP se comprometeu a ser uma voz contra as desigualdades e de incentivo à participação política.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

34 Comments

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.