ACINFAZ

Instituto de Mediação e Arbitragem (IMAFACIAP) iniciará suas operações em Fazenda Rio Grande

[vc_row css=”.vc_custom_1451912129406{margin-top: 20px !important;border-top-width: 20px !important;padding-top: 20px !important;}”][vc_column][vc_custom_heading text=”A inauguração das operações do ponto de atendimento está prevista para o mês de março” font_container=”tag:h2|text_align:center|color:%23060a00″ google_fonts=”font_family:Ubuntu%3A300%2C300italic%2Cregular%2Citalic%2C500%2C500italic%2C700%2C700italic|font_style:300%20light%20italic%3A300%3Aitalic” css=”.vc_custom_1552325554941{margin-bottom: 10px !important;border-bottom-width: 10px !important;padding-bottom: 10px !important;}”][rd_line color=”#00a650″ line_pos=”center”][/vc_column][/vc_row][vc_row css=”.vc_custom_1451926375382{margin-bottom: 20px !important;border-bottom-width: 20px !important;padding-bottom: 20px !important;}”][vc_column][vc_column_text font_size=”14″]O presidente, Gastão Gonchorovski, assinou publicamente um convênio de cooperação com o Instituto de Mediação e Arbitragem da FACIAP (IMAFACIAP), para ser um polo de atendimento na sede da associação em Fazenda Rio Grande. O objetivo é diminuir os casos e desacordos de pessoas e empresas da cidade e região. A previsão é que o ponto de atendimento inaugure suas operações no mês de março.

Gonchorosvki parabeniza a Federação (FACIAP) por desenvolver este modelo e criar o instituto e também agradece a confiança, a ACINFAZ será a primeira a iniciar as atividades. “Com este convênio, estaremos atendendo a uma antiga demanda pleiteada por empresários e advogados da região”.

O Instituto de Mediação e Arbitragem visa promover a cultura da não judicialização de conflitos no âmbito empresarial e na sociedade em geral. Esse método oferece vantagens como a economia de dinheiro e tempo, a redução de danos a relacionamentos importantes para os negócios e a minimização quanto às incertezas dos resultados.

O método do IMA também é uma forma de obter o envolvimento da sociedade civil em questão de resolver os seus próprios conflitos. Também representa a quebra de dependência do estado para a resolução e ordem, isso proporciona um exercício de cidadania e um exemplo de responsabilidade social.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row css=”.vc_custom_1451912129406{margin-top: 20px !important;border-top-width: 20px !important;padding-top: 20px !important;}”][vc_column][rd_line color=”#d8d8d8″ use_icon=”yes” icon_size=”10″ icon_pos=”center” width=”50″ line_pos=”center” icon=”ty2-sun”][/vc_column][/vc_row]