ACINFAZ

Empreendedorismo feminino

“Programa aborda temas nas áreas de empreendedorismo e empregabilidade”

O Instituto Rede Mulher Empreendedora é uma entidade com várias iniciativas, uma delas é o programa Ela Pode, que conta com o apoio do Google. O objetivo é encorajar e capacitar mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica que estejam em busca de crescimento pessoal e profissional. Esse curso aconteceu na ACINFAZ, com o apoio do Conselho ACINFAZ Mulher.

Jociane Monteiro, uma das participantes, é formada em administração de empresas e gestão de pessoas, trabalhava como autônoma e agora irá abrir um negócio físico. “Eu resolvi fazer o curso porque conhecimento ninguém tira de nós. Estou em um momento onde tudo o que venho fazendo está relacionado com o conteúdo do curso. Vejo que estou no caminho certo, tem alguns ajustes para fazer, mas desde que comecei, só estou agregando conhecimento”.

De acordo com a participante, os temas são essenciais e retratam situações do dia a dia. Comenta que é preciso estar atenta as tendências do mercado, buscar se aperfeiçoar e é exatamente isso que está acontecendo no curso. “A equipe está de parabéns, são profissionais que realmente tem autoridade sobre o assunto, estão fazendo com excelência e é o que eu estou buscando. Estou me deparando com pessoas que têm experiência, a troca de informações e conhecimento”, complementou Jociane.

Débora Leal, multiplicadora do projeto Ela Pode no estado no Paraná, afirma que no segundo encontro, o tema abordado foi finanças e marketing digital. “Está sendo muito proveitoso, as meninas estão bem engajadas. É melhor do que eu esperava pois a adesão está grande”. A expectativa de Débora é que as mulheres terminem o curso com vontade de fazer acontecer. “Acredito que pelo perfil das meninas, está acontecendo, elas estão vendo as possibilidades”.

Érica Mendes, que é conselheira do ACINFAZ Mulher, formada em administração com habilitação em marketing e proprietária do Instituto de cursos profissionalizantes, Conect Faz, deu uma das aulas do projeto sobre finanças. Ela diz que se sentiu realizada, pois teve o feedback positivo das mulheres que participaram da palestra e demonstraram que o conteúdo foi relevante para a vida delas. “A proposta do projeto Ela Pode fala sobre empoderar as mulheres e é isso que buscamos através da temática. Mostrar que elas podem ter vez e voz a partir do momento que começarem a organizar melhor as finanças dentro de casa e melhorar a vida”. Comentou: “Eu acho muito relevante um curso desses, pois existem mulheres que se veem distantes da ACINFAZ, empreendedoras de pequenos negócios. Esse projeto veio justamente para atender essas pessoas”. O tema da palestra era “Como transformar o nosso relacionamento com as finanças”, que de acordo com Érica, é essencial e por isso escolheu. “Muitas empreendedoras têm o sonho transformado em uma frustração, porque entende da parte operacional do negócio, mas não gerenciar um negócio”.

De acordo com a conselheira, o curso serve para materializar o sonho das mulheres, gerando conhecimento e levantar recursos para o negócio expandir e que tudo deve ser planejado. “Elas precisam estar sempre tentando, mas com os pés no chão e de forma muito racional. Podem começar reduzindo os custos que têm dentro de casa. Aquelas que já tem um sonho, podem aprender que só depende delas e do quanto elas são profissionais. Pensar pequeno e pensar grande dá o mesmo trabalho, precisam se disciplinar com relação ao dinheiro, fazer a manutenção do negócio”.