ACINFAZ

ACINFAZ inicia operações como correspondente da Fomento Paraná

[vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Por: Fomento Paraná com AENPR (adaptado)
Fotos: Luciano Patzsch/Fomento Paraná” font_container=”tag:h5|font_size:12|text_align:right|color:%23999999″ google_fonts=”font_family:Ubuntu%3A300%2C300italic%2Cregular%2Citalic%2C500%2C500italic%2C700%2C700italic|font_style:400%20regular%3A400%3Anormal”][vc_single_image image=”5202″ img_size=”full” alignment=”center”][vc_custom_heading text=”Gustavo Alves, coordenador da ACINFAZ, recebe de Vilson Ribeiro de Andrade, presidente da Fomento Paraná, seu crachá de correspondente” font_container=”tag:h5|font_size:14|text_align:center|color:%23999999″ google_fonts=”font_family:Ubuntu%3A300%2C300italic%2Cregular%2Citalic%2C500%2C500italic%2C700%2C700italic|font_style:400%20regular%3A400%3Anormal” css=”.vc_custom_1508256811196{margin-top: -30px !important;}”][vc_column_text]

A Associação Comercial e Industrial de Fazenda Rio Grande (ACINFAZ) e a Fomento Paraná, instituição financeira de desenvolvimento do Governo do Estado, assinaram, no dia 16 de outubro, o contrato para início das operações de Correspondente Fomento Paraná. A parceria visa aumentar a capilaridade e expandir a oferta de crédito para empresário do município.

Como correspondente da instituição, a ACINFAZ é uma intermediadora de operacionalização de financiamentos em valores a partir de R$ 20 mil até R$ 1,5 milhão, para empreendimentos de micro, pequeno e médio porte de empresas com faturamento bruto anual de até R$ 16 milhões.

O presidente da Fomento Paraná, Vilson Ribeiro de Andrade, explica que o objetivo com projeto é ampliar as alternativas de crédito para que as empresas possam consolidar e expandir seus negócios, gerando empregos e melhorando a renda. O Correspondente Fomento Paraná será um facilitador para o pequeno empresário, que tem dificuldades com a documentação necessária para as propostas de financiamento.

O correspondente Gustavo Alves, da ACINFAZ, explica que a parceria com a Fomento Paraná vai unir o útil ao agradável. “Vamos fazer a análise de crédito que já fazemos com a Garantisul e encaminhar os processos para a Fomento Paraná com garantia. Tem grandes chances de dar muito certo”, conta. “Hoje trabalhamos com limite de até R$ 150 mil. A Fomento Paraná vai preencher uma lacuna ao permitir atender de R$ 20 mil até R$ 1,5 milhão”, diz Alves.

PRIMEIRAS – Integram o primeiro grupo de Correspondentes Fomento Paraná as associações comerciais e empresariais de Campo Largo (ACICLA); Curitiba (ACP); Fazenda Rio Grande (ACINFAZ); Irati (ACIAI), Pinhais (ACIPI) e São José dos Pinhais (ACIAP). Ao longo das próximas semanas serão assinados os contratos com as associações de Dois Vizinhos (ACEDV); Francisco Beltrão (ACEFB); Ibiporã (ACEIBI); Londrina (ACIL); Mamborê (ACIMAM); Maringá (ACIM); Pato Branco (ACEPB); Toledo (ACIT) e Ubiratã (ACEU).

Para saber mais sobre o serviço de correspondência da Fomento Paraná na ACINFAZ, entre em contato: 3627-1958 ou [email protected]

[/vc_column_text][/vc_column][vc_column][vc_empty_space height=”75″][vc_custom_heading text=”GALERIA” font_container=”tag:h5|text_align:center|color:%231aac4e” google_fonts=”font_family:Ubuntu%3A300%2C300italic%2Cregular%2Citalic%2C500%2C500italic%2C700%2C700italic|font_style:500%20bold%20regular%3A500%3Anormal”][rd_images_gallery images=”5204,5205,5202″ column=”ig_col_6″][/vc_column][/vc_row]

32 Comments

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.