Fazenda Rio Grande inicia um novo momento (Edição 121 – junho/2018)

 Fazenda Rio Grande inicia um novo momento  (Edição 121 – junho/2018)
Primeira reunião do Comitê Gestor do Prodec

Representantes da Associação Comercial e Industrial de Fazenda Rio Grande (ACINFAZ), da Prefeitura Municipal e da Câmara de Vereadores participaram de uma reunião, no dia 07 de maio, para a assinatura do contrato firmado com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Sebrae/PR), para a implantação do Programa de Desenvolvimento Econômico Local (Prodec), que estruturará um conselho ou uma agência de desenvolvimento local em Fazenda Rio Grande.

Assinado pelo prefeito Marcio Wozniack, na presença de Vinícius Milani, coordenador regional de Ambiente de Negócios do Sebrae/PR, o contrato garante a liberação do recurso para o programa que será um dos balizadores para o planejamento e desenvolvimento da cidade daqui para frente.

 Comitê Gestor

 No dia 17 de maio, foi realizada outra reunião, a primeira do Comitê Gestor do Prodec. O referido comitê é composto por 9 membros – 3 de cada uma das entidades (ACINFAZ, Prefeitura e Câmara). Os encontros do grupo serão semanais e vão acontecer até a conclusão do planejamento das diretrizes estratégicas (no box a seguir, confira os nomes que compõem o Comitê Gestor).

A partir dessa composição é que começa a consultoria para a formatação do conselho de desenvolvimento, que terá como participantes a sociedade civil organizada, ou seja, representantes de associações de bairros, sindicatos, clubes de serviços, órgãos públicos (polícias e integrantes do Judiciário), entidades religiosas, entre outros.

Vale destacar que o Prodec só está saindo do papel devido à junção de esforços: a Câmara Municipal constituiu uma lei para que o recurso fosse chancelado para todo esse processo; a prefeitura está destinando o recurso que cobrirá o trabalho de consultoria; a ACINFAZ assume o papel de executora e realizadora do Prodec, junto com as demais entidades da sociedade civil.

Como vai funcionar

 Para a criação do conselho de desenvolvimento, ao longo de um ano, aproximadamente, o Sebrae/PR prestará todo o suporte aos envolvidos. Entre as principais ações que serão desenvolvidas, destacam-se:

– Levantamento de dados e índices sobre Fazenda Rio Grande;

– Entrevistas individuais com representantes de entidades locais;

– Interação e imersão dos líderes da sociedade civil organizada para um pré-diagnóstico.

Fazenda Rio Grande 2050

 O sonho de projetar e transformar Fazenda Rio Grande por meio do desenvolvimento econômico teve início em 2006 na ACINFAZ. Ao longo de todos estes anos, a entidade trabalhou em prol do tema, que foi trazido à pauta com mais frequência a partir de 2016. De lá para cá, diversos diálogos foram estabelecidos com a sociedade e com os poderes públicos.

Para denominar e transmitir a ideia, a entidade criou a marca Fazenda Rio Grande 2050, a fim de facilitar o entendimento público na abordagem desse assunto, dando uma identidade à causa e gerando a sensação de pertencimento nos envolvidos. O nome foi inspirado em movimentos similares realizados em outras cidades – a exemplo do Maringá 2047 e do Curitiba 2035 – que estabelecem um “prazo” para a concretização de planos e projetos para o futuro.

Agora que o sonho começou a se realizar, considerando o início dos trabalhos do Prodec e o louvável empenho dos poderes públicos locais, uma nova fase se inicia. Com esse trabalho, a sociedade fazendense terá a possibilidade de identificar o nome e a marca que melhor identificarão o projeto maior que definirá o futuro da cidade.

ACINFAZ

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.